sexta-feira, agosto 11, 2006

OS CHEIROS

Os cheiros são o que de mais fiel há para reconhecer ou identificar lugares ou memórias. Sabiam que cada local tem o seu cheiro próprio? O cheiro da nossa casa. O cheiro da terra molhada e da poeira ao sol. O cheiro dos lençóis da cama, feita de lavado. O cheiro do pão acabado de fazer, o cheiro da farinha, do fermento. O cheiro do pão com queijo. O cheiro da manteiga a derreter. O cheiro do sabão azul e banco na roupa. O cheiro das beldroegas ao lume. O cheiro das páginas dos livros. Os cheiros dos papéis dos jornais, das revistas, dos antigos cadernos da escola, de tantos papéis cheios de palavras inúteis que despejámos toda a vida. O cheiro da cozinha, das panelas fumarentas, do frango no churrasco. O cheiro do mar. O cheiro do sal. O cheiro do rio a arrastar as mágoas na escuridão da noite. O cheiro da praia deserta, do grito da última gaivota. O cheiro do sol a jorros. O cheiro das uvas. E dos pêssegos sumarentos. E das melancias enormes, vermelhas de água, que comíamos às talhadas na cozinha da minha avó, e que ficavam guardadas no frigorífico dentro de um prato de loiça branca com desenhos azuis, enorme, a que faltava um pedaço num dos lados. O cheiro da açorda a vir para a mesa. Os coentros aos bocadinhos a picarem-nos o nariz. O cheiro da noite morna a derramar-se inteira sobre as casas. O cheiro dos nossos passos na rua deserta. O cheiro do carro do meu pai. Cada carro tem um cheiro único, já repararam? Lembro-me do cheiro do carro do Aníbal, um cheiro forte, uma mistura de fumo de cachimbo com outros odores indecifráveis, que nos entrava pelos pulmões até à alma. Tantos cheiros. São os cheiros que mais nos acompanham, que mais nos fazem sentir em casa, acreditem.

6 comentários:

soniaq disse...

Bem-vinda cá ao burgo!!!! e bom almoço para amanhã.

grande beijinho

Alex disse...

o cheiro do rio
o cheiro da relva
o cheiro da caipirinha
do nosso almoço


da nossa amizade.

cheguei :-P de lingua de fora
eu disse-te, cheguei um pouco antes da Paula chegar ao Algarve :))))

A D O R E I

Dulce disse...

Alguns desse cheiros são alentejanos, parece-me. Não são? Ai a sopinha de beldroegas com queijo!!

Xano disse...

Excelente surpresa (re)ouvir o Gil cantar esta doRio de Janeiro! Tantos anos já lá iam. Esta música é um cheiro que trago comigo desde muito pequenino. Obrigado!

papu disse...

Olá Sónia, um beijinho também para ti.

Alex, também ADOREI, não preciso dizer, pois não ? :)))

Dulce: são mesmo alentejanos! Sopa de beldroegas com queijo já comi, fez-me a minha prima, e estava deliciosa!!! :)))

Xano: aquele abraço ainda cá canta porque nunca mais consegui pôr outra música, mas também é uma das minhas preferidas! Beijinhos.

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. Navman car gps Spam blocker download Gala bookmakers Pilates testimonials Malamute backpacks Land rover patt amd accessory desks workstations mylex multi tiered cpu desk American sign language classes online Clean humor tshirts Wellbutrin treatment adhd http://www.virtual-poker-5.info/Free_reverse_phone_lookups.html Quit smoking and shot online nursing program masters golf scrolling leaderboard antidepressant serquel online ged for free Used dishwashers ventura