sexta-feira, março 02, 2007

SABIAM QUE...

A letra i em inglês pode ler-se de duas maneiras diferentes:

«ai» (como o nome da letra) e «i» (como se lê em português).

O que abre o som «ai» na letra i, quando esta se encontra no meio de palavras como

nice
fine
crime
line
shine
fire
bite

é a presença do e no fim de cada uma delas (ou melhor, é a presença do padrão i_e, que pode ocorrer em qualquer posição na palavra).

Otherwise, o i lê-se «i» quando o padrão i_e não existe e a palavra termina numa consoante:

thin
shin
pin
bin
nick
fit
sick
bit

etc...

;-)

8 comentários:

papu disse...

este post também se podia chamar: primeira lição. Ou, mais exactamente, first lesson.

eheheheheh

kella disse...

Muito bem! Eu que sou casada com um Irishman e acho que falo tão bem ingles, e tal..., não sabia disso!Agora já sei e vou fazer questão de não me esquecer para poder ensinar ao Matt e ao Dave!Many thx!

kate disse...

Que óptima explicação, acho que me vai dar geito. Nas palavras que não se conhece, por vezes é uma sorte acertar na forma correcta de as dizer. E ainda dizem que o inglês é uma língua fácil! É fácil começar, e estar num nível básico, mas quanto mais se vai aprendendo mais se vê que, afinal, não é assim tão simples...

E, é impressão minha ou já estás a ficar como o David e o Diogo, a misturar português com inglês? Está a passar-se, a rapariga :D

Bom fim-de-semana!

edelweiss disse...

Tantos anos de Inglês e nunca ninguém me tinha ensinado isso... viva a professora Papu!

Mila disse...

Eu que estou a tentar aprender,huuuuuuuuummmmmmm,vindo aqui vou conseguir.Assim é fácil.Muito obrigada

José Antunes Ribeiro disse...

Olá, Papu:)
Será desta que o meu inglês melhora?
Aqui fica um aluno atento...e obrigado!
Bom Domingo.Um abraço!

Maria Helena disse...

Obrigada Papucita. Como uma pequena explicação faz a diferença!... Três anos e picos briguei com essa língua bárbara e ninguém me falou em tal.
E por incrível que pareça foi sempre esse o meu calcanhar de aquiles. Nunca me atrevia a ler em público, sempre com medo de trocar o "i" pelo "ai" ou viceversa.
Bjinhos e mais uma vez OBRIGADA

Maria Helena disse...

Obrigada Papucita. Como uma pequena explicação faz a diferença!... Três anos e picos briguei com essa língua bárbara e ninguém me falou em tal.
E por incrível que pareça foi sempre esse o meu calcanhar de aquiles. Nunca me atrevia a ler em público, sempre com medo de trocar o "i" pelo "ai" ou viceversa.
Bjinhos e mais uma vez OBRIGADA