quinta-feira, julho 20, 2006

ESTRADA, ESTRADA E MAIS... ESTRADA !!!

O dia de Julho mais quente de sempre. Ontem. Temperaturas de 35, alguns locais atingiram os 38 graus. O pessoal passou-se. Escolas fechadas, alcatrão a derreter... e nós a rirmo-nos para dentro. Olha se apanhassem o calorão mediterrânico, aí é que se passavam mesmo!

Nós resolvemos fazermo-nos à estrada. Tinhamos uma amiga para visitar para lá do norte londrino. Uma amiga aí de Lisboa, que veio para um curso de verão com os alunos.

E que estrada! Saímos por volta das 14.45. Andámos, andámos, até Dartford Tunnel... e eis que o trânsito começa a aglomerar-se. Uma lentidão. Para aí meia hora para percorrer umas milhazitas... até que, depois de acharmos que tudo já tinha normalizado, novo engarrafamento interminável... desta vez parado! Começámos a ver os carros a fugirem para a próxima saída, e foi o que fizémos, e ainda bem, porque havia um acidente mais à frente.

Bom. Saímos da auto-estrada... e enfiámo-nos no meio da parvónia! Estradas Nacionais ou nem isso... Só queria que vissem. Uma estreiteza aflitiva. O que vale é que o trânsito é quase nulo, e os poucos carros que circulam andam a baixa velocidade...

Resultado: chegámos por volta... das 6!!!

O David adormeceu, o Diogo nem por isso, às tantas só se queixava da barriga e lá parámos num barzito para ver se ele esticava as pernas. Estava tanto calor cá fora (dentro do carro o ar condicionado enganava) que até fiquei zonza. Levei-o à casa de banho e comemos qualquer coisa, e ele ficou melhor (quando nos metemos outra vez no carro, só dizia: "Mas eu quia ficál ali mais um padinho...")


Lá estivémos com a L., numa visita de médico, porque ela estava toda atarefada com mil e uma coisas para fazer ao mesmo tempo! Mas deu para matar saudades! Jantámos com ela numa sala enorme com grandes mesas de madeira e bancos corridos, nós e mais umas boas dezenas de rapazes e raparigas de todos os cantos do mundo.


Estupidamente, não levei a máquina, as fotografias que aqui estão foram tiradas da net. O David e o Diogo, um já desperto e o outro recuperado do enjoo da viagem, correram pelos relvados e divertiram-se bastante. Tanto, que hoje o Diogo já pediu duas vezes para voltar a casa da L. (pensa que o Colégio onde estivémos é a casa dela!)

3 comentários:

Alex disse...

Bem, por uns segundos até eu pensei que era a casa dela. Fogo :))

Um dia e tanto
Beijocas

Anónimo disse...

best regards, nice info »

Anónimo disse...

Looking for information and found it at this great site... film editing schools