terça-feira, abril 06, 2010

How clean is your diet?

Quem gosta de comer Special K deve lembrar-se da campanha promocional que sugeria que, para diminuir uns quantos centímetros na cintura, se substituísse uma das refeições principais por uma tigela dos ditos flocos com leite magro, isto durante 14 dias. O que não devem saber é que a receita varia conforme o país onde se está, ou conforme os hábitos alimentares locais, isto já na minha perspectiva. Ora pois aqui nas terras de Sua Majestade, onde a maioria das pessoas come fish and chips ao almoço e ao jantar uma chávena de chá e com sorte umas bolachitas (daquelas cheias de creme ou coisa que o valha) a mesmíssima campanha aconselha a que se substituam as duas refeições principais pela tigela de flocos com leite magro, durante os tais 14 dias. De onde se conclui que a dita campanha quer mesmo é atirar-nos areia para os olhos, e aproveitar-se da compulsão para emagrecer que hoje em dia grassa na cabeça de muito boa gente. É que se aí substituir duas refeições por uma tigela de flocos com leite pode parecer (e bem) um erro em termos de alimentação equilibrada, aqui, pelo contrário, é considerado normalíssimo, até porque o que se come é, as mais das vezes, muito menos equilibrado do que uma tigela de flocos.
E sabem aqueles anúncios a produtos de limpeza em que se vê um fogão ou uma parede completamente cagados e depois passa-se o pano e tcharãn... Até parece um passe de mágica? Aqueles em que a gente fica sempre a pensar, mas caramba, será que alguém suja assim os pratos, ou será possível que alguém, depois de cozinhar, deixe o fogão naquele estado? Claro que não, aquilo é exagero da publicidade. Olhem que não. Ou melhor, para os nossos padrões de limpeza talvez, mas para outros... Pois é. É que quando ligamos a televisão e nos deparamos com um programa tipo how clean is your house?, Jesus Maria, os tais anúncios ao pé daquilo, com os fogões e os azulejos da cozinha completamente besuntados de gordura, até brilham (e não da gordura, atenção). E então convencemo-nos que afinal há quem suje a casa assim, sim senhor, e até muito pior. E que sim, são precisos milagres para remover aquela porcaria entranhada, milagres que duvido que algum produto de limpeza consiga concretizar, by the way.
Hoje deu-me para aqui.

1 comentário:

edelweiss disse...

Sempre que penso em dietas, dá-me fome...
Quanto ao How clean is your house adoro ver, porque sinto-me uma fadinha do lar!